Cobogós

Cobogó são elementos arquitetônicos em forma de tramas vazadas, dos mais diferentes materias: cimento, vidro, madeira, cerâmica, mármore, entre outros. Seu uso teve inicio na década de 20, com os arquitetos, Coimbra, Boeckmann e is. Ficou famoso e foi largamente utilizado nas décadas 50 e 60, e tinha a inteção de manter a privacidade sem comprometer a iluminação natural, a ventilação e a visibilidade de dentro pra fora.

A estrutura recebeu amarração de ferro nas juntas (5 cm) e pilares nas laterais. Modelo Folha, da Cerâmica Martins

Cobogó genuíno

Projeto da Arquiteta Renata Pedrosa. As peças de 20x20x7,2cm foram assentadas em posições aleatórias. Da Elemento V

Com o passar do tempo os cobogós deixaram de embelezar as fachadas e migraram para espaços menos nobres, quando passaram a ser usados como divisórias de áreas de serviço, perdendo todo o glamour inicial.

Cobogó feito em mármore

 

Cobogó em design que remte ao oriente.

Cobogó em vidro jateado

Segundo historiadores, os arquitetos se inspiraram no muxarambiês, que são tramas vazadas de madeira e apresentam um design bem diferente dos cobogós e menos glamuroso.

cobogó cimentício

Realçados não só pela beleza da luz natura, mas também pelas nuances de sombras causadas pela iluminação artificial

Projeto de Márcio Koogan, a Casa do Cobogó, em São Paulo, recebeu um painel com impressionante efeito visual, criação de Erwin Hauer

Oscar Niemeyer, entre outros modernistas utilizaram muito os cobogós, juntamente com os brises, em várias fachadas, principalmente em Brasília.

Hoje eles voltaram e viraram peça chave já que possibilitam entrada de ar e iluminação de forma natural, além de deixar o ambiente mais descontraído e com um charme retrô chic!

Cobogó Haaz- uma versão mais atual feita em mármore branco para uma exposição na Turquia-criação do arquiteto Márcio Kogan.

Cobogó em trama de palhinha do arquiteto Cícero Ferraz da Cruz, da Brasil Arquitetura para a Farm. Fabricado pelo Neo-Rex.


Existem ainda, placas de cobogós de 22x22x9,5 fabricados em alumínio fundido, criação do Arq. Felipe Protti. As peças têm encaixe tipo fêmea e devem ser colocadas em barras do mesmo material. Quem fabrica é a Dbox e tem preço media de R$440,00 cada peça.

Na Casa Cor SP 2011, o ambiente de Luciana Pastore e Maria Paula Giuliano, na BGourmet, foi todo emoldurado por Cobogós, que encantaram os olhos de quem passava. Os cobogós, que ainda estarão no post especial do BGourmet 2011, são da Neo Rex.

Para mais informações acesse o site da Casa.com ou o ADFArquitetando.

 

Natalya Hamada

Philippe Starck – Parte I

Philipper Starck é um design, criador de diversos e importantes mobiliários no cenário mundial, nascido em Paris em 1949.
Projetou para as mais importantes empresas italianas de desig ao longo dos anos, como a L. Venturi, Disform, Driade, Baleri, XO, Idée e foi diretor de arte da Pierre Cardim, onde produziu 65 peças de design exclusivo. Abriu sua própria empresa e foi convidado à desenvolver a renovação completa do apartamento pessoal do presidente de seu país, e nunca mais parou.

Design em utensílios de cozinha

Juicy Salif

 

Les Ministres

Max Le Chinois

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cozinhas

Library

Primary

Duality

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para Bebês e Crianças

travel high chair

900mhz baby monitor

Baby bottle

 

 

 

 

 

 

 

 

teddy bear band

Baby fork spoon

Bottle Brush

 

 

 

 

 

 

 

 

toilet training

toy car

 

 

 

 

 

 

 

 

High Tech

Hook

 

Scale

 

 

 

 

 

 

 

To Yoo

Zikmu

calculator

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Acessórios

thongs

 

 

 

 

 

 

 

 

Variados

Water Fountain

Olympic Flame

Door Handle

 

Cadeiras

Loulou Ghost

Victoria Ghost

Louis Ghost

Zartan

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Min Ming

Miss Lacy

Robinwood Colection

 

 

 

 

 

 

 

 

Mr. Impossible

One more

Ring

 

 

 

 

 

 

 

Miniskool

Mademoiselle

 

 

 

 

 

 

“Se não há visão humana, social, ou amorosa, um projeto não tem a legitimidade de existir” Philippe Stark.

Móveis

Bubble Club

Lou Read

Strange Thing

Smal Ghost Buster

Play With Dedon

 

 

Lorenzo Le Magnifique

Gelly

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mesas

Darkside

Top Top & Topcut

 

 

 

 

 

T Table

Vicieuse

 

 

 

 

 

 

 

Banquetas

Bubu II

Miss T

Royal T

Mister Knorr

Attila

Bonze

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Philippe Starck tem se destacado muito há décadas, o que faz com que sua agenda esteja cada vez mais lotada de compromissos, por isso voa constantemente de um país para outro, em seu avião particular, onde praticamente vive. O design possui ainda, 8 casas pelo mundo, mas diz que colecionar casas não é sinonimo de felicidades, em suas recidência, todas pequenas e sem ostentações, passa em média 2 dias, e são nelas que ele procura a simplicidade. Entretanto afirma que pretende diminuir o ritmo, não procura trabalho e tentar levar uma vida normal com sua esposa.

Existem ainda muitas outras criações com sua assinatura, as quais aos poucos (ou aos montes) vamos mostrando pra vocês.

Natalya Hamada

Tintas Cimentícias

O uso de cimento queimado tem sido cada vez mais frequente, já falamos sobre o tema neste post aqui, e seguindo as tendência, a Suvinil criou tintas que dão esse efeito.

Conferindo um ambiente clean, contemporâneo e moderno, foi muito usado em todas as franquias da Casa Cor 2011. Mas seus benefícios não são apenas estéticos, a tinta também previni futuras umidades, não só pela sua composição a base de cimento branco estrutural como pela a preparação da parede para receber a tinta, que deve ser feita com a aplicação de uma tinta acrílica, previnindo mais das infiltrações do que uma tinta comum.

Para mais detalhes de como fazer a plicação correta, entre no site da Suvinil clicando aqui.

 

Podem ser aplicadas em paredes ou tetos, e dependendo do tipo de aplicação elas ainda podem ser foscas ou brilhantes. Um jogo de iluminação realça e deixa o ambiente com um clima ainda mais rústico.

 

A tinta resume bem o efeito e pode dar menos trabalho (dependendo da fase em que estiver sua obra) que o próprio cimento queimado.

Existem outros efeitos geniais criado pela Suvinil como o linho,  mármore, camurça, aço escovado, palha, jeans, bambu, entre outros que vou mostrar em outro post, já que a gama de opções é bem grande.

A correta aplicação é que vai determinar a similaridade com o concreto queimado, por isso contratar um bom profissional pra executar os procedimentos é fundamental. Veja como pode ser fácil a aplicação.

 

 

Natal;ya Hamada

Louis Ghost Chair

Famosa e desejada, a cadeira Louis Ghost foi criada por Philippe Starck e produzida pela Kartell em 2000 com policarbonato injetado. Estão disponível em modelos transparentes e leitosos, coloridos ou não! Após o sucesso de sua criação, Stark recriou o modelo 2 vezes, a Victória Ghost em 2005 (sem braço) e a Loulou Ghost em 2008 (com versões mini).

O modelo é tão atemporal e agrada tanto o gosto do mundo que ano após ano elas são reapresentadas na feira de Milão. Um clássico!

Ainda há a opção personalizada com 4 tipos de estampas nas cadeiras transparentes e incolores. É possivel ver as estampas dos dois lados.

A peça tem sido utilizada por muitos design no mundo todo. Sua transparência confere leveza e seus traços modernos permite adapta-las em diversos ambientes com muito charme e sem carregar nos detalhes. Assim, sobra espaço para dar mais ênfase à outros objetos.

Imposrtadas da Itália, elas podem ser encontradas em São Paulo e atualmente estão sendo vendidas por R$ 1.456,00.

Em São Paulo é possível encontrar essas cadeiras na própria loja da Kartell na Al. Gabriel Moneiro da Silva, 2138, para mais informações click aqui.

Algumas lojas vendem modelos bem parecidos à preços mais acessíveis, como é o caso da Marché Art de Vir, que tem post aqui, ou procurar pela Teodoro Sampaio (sempre tem em algum lugar e consegeuem ser ainda mais barato)

Fica a dica

Natalya Hamada

 

Fornasetti – Ceramica Bardelli

Já falei sobre as obras de Piero Fornasetti neste post aqui, mas sua última parceria com o grupo italiano Altaeco Group dona da Ceramica Bardelli tem dado o que falar.

A empresa lançou diversos pisos e azulejo cerâmicos com as consagradas obras de Fornasetti. Ainda não há um representante da marca no Brasil, mas sempre aparece alguém para trazer e revender; claro, ocasionalmente e algumas poucas peças. O preço dessa obra de arte é de R$ 3.000,00/m², sugere um representante no Show Room da Revestir 2011, onde as peças foram apresentadas ao Brasil.

Coleção "Macchine Volanti", placas de azulejos branco e preto

 

Coleção “Ultime Notizie” em um mix de azulejo
Coleção ” Fornasettiana” que mescla famosos elementos do trabalho de Fornasetti, como o sol, a lua, os balões, o gato, o rosto e arquitetura greco-romana, além dos esfeitos ópticos
Coleção “Tema e Variazioni’, com as mais famosas interpretações do rosto de Lina Cavalieri. Aqui um mix com 20 tipos de azulejos.
Mano

O procedimento é todo feito a mão, tanto nos pisos quanto nos azulejos, por uma técnica conhecida como Decalcomania (image transfer). O atelier Fornasetti fornece finas películas com as imagens e a Ceramica Bardelli faz a aplicação dessa película sobre a cerâmica (manualmente colado), e leva para uma segunda queima do azulejo, dessa vez em uma temperatura mais baixa, de forma que apenas o desenho permaneça e a película seja queimada.

Para mais informações sobre a Fornasetti clique aqui ou para conhecer o procedimento clique aqui.

Natalya Hamada